Irmã de deputado é demitida após PSL pedir pressa em julgamento de governador

Irmã de deputado é demitida após PSL pedir pressa em julgamento de governador

A presidente do PSL Mulher em RR, Andreia Nicoletti foi destituída do cargo que ocupava na junta Administrativa do Departamento Estadual de Trânsito (Detran).

Andreia também teria perdido o cargo em comissão que ocupava no mesmo órgão, apesar da exoneração ainda não ter sido publicada, mas já ter sido confirmada por fontes do blog Política Macuxi.

A demissão ocorreu 24 horas após o deputado federal Nicoletti, irmão e padrinho político de Andreia, pedir pressa no julgamento dos processos envolvendo o governador.

Andreia é enfermeira e ocupava um cargo comissionado no órgão desde 2018, assumindo logo após a posse do governador Antônio Denarium

A reportagem entrou em contato com o deputado Nicoletti que informou por meio de nota:

“Sobre a exoneração da minha irmã, Andréia Nicoletti como membro da Jari-Detran (Junta Administrativa de Recursos de Infração), esclareço que foi a pedido, uma vez que a mesma tem projetos pessoais a desenvolver e não tinha mais interesse em continuar no cargo”.

O parlamentar negou que esteja rompido com o governo.

“Nunca estive! Coloquei mais de 40 milhões no estado em emendas para 2020. O que faço desde o 1 dia de mandato é fiscalizar o executivo estadual além de cobrar transparência na aplicação dos recursos, isso que é inerente ao cargo político ocupado”

A reportagem também procurou a Secretaria de Comunicação do Governo de Roraima e aguarda retorno.

Entenda 

O PSL (Partido Social Liberal) decidiu entrar como interessado nos processos de cassação do governador Denarium que tramitam no TRE (Tribunal Regional Eleitoral) de Roraima.

O deputado federal Nicoletti disse que pediu celeridade no julgamento dos casos em comunicado enviado a imprensa.

Denarium foi eleito pela sigla nas eleições de 2018 e, embora não faça mais parte do partido, o PSL permanece citado como a agremiação do governador processado.