Hospital de Amor amplia atendimentos a população

Crédito:

Compartilhe:

O Hospital de Amor em Roraima está novidade para toda população. Além dos exames de mamografia e Papanicolau, conhecido por Preventivo, a Unidade de Prevenção oferece a homens e mulheres acompanhamento e tratamento para câncer de pele.

A Unidade funciona de segunda a quinta-feira, das 8h às 18h, e às sextas-feiras das 8h às 17h, na avenida Via das Flores, no bairro Pricumã, zona Sul de Boa Vista.

O agendamento é feito na recepção com a apresentação de documento oficial com foto (RG, CNH ou Carteira de Trabalho), CPF, comprovante de residência e Cartão SUS (Sistema Único de Saúde). Tudo gratuito.

O aposentado José Ivaldo Barros, de 51 anos, está há mais de três anos em busca de respostas sobre uma mancha que surgiu na pele. Quando soube da novidade do Hospital de Amor, logo procurou atendimento.

“Achei muito bom porque aqui foi muito ligeiro. Agendei pela manhã e fui atendido a tarde”, relatou.

O morador do bairro São Vicente, Sérgio Lopes de Souza, de 79 anos, tem um sinal ao lado do nariz que o incomoda há 10 anos que, segundo ele, não coça, não causa dor.

“Já andei por vários lugares, já teve até médico que me cobrou R$ 1.400 reais para tirar esse negócio. Mas aqui [no Hospital de Amor] eu tive boas notícias, vão fazer a cirurgia aqui”, comemorou.

Espaço de acolhimento e tratamento

Quem buscar pelo Hospital de Amor será atendido pela dermatologista Sissernanda Coelho.

“A expectativa em atender o maior número de pessoas para identificar as lesões e a gente consiga dar melhor qualidade de vida ao paciente”, disse ela ao justificar que em Roraima os registros de câncer de pele são altos devido a incidência de raios solares.

O paciente será avaliado em consulta. Identificada lesão, será feita a biópsia para retirada e tratamento da doença. Mas em caso de melanomas com metástase, a pessoa será encaminhada para tratamento na rede pública pelo Governo do Estado.

A predisposição genética para câncer de pele, ou seja, quando há casos na família, é um dos fatores para desenvolvimento da doença. Contudo, a alta exposição aos raios ultravioletas é a causa número um para o desenvolvimento da neoplasia.

A prevenção consiste em:
Usar protetor solar de, no mínimo, fator 50, evitar exposição excessiva entre 10h as 16h, usar chapéu, óculos escuro e blusa de manga comprida com proteção UV. A recomendação estende-se a crianças.

Fundada em junho de 2021 em Roraima, o Hospital de Amor é mantido por doações e recursos oriundos de emendas parlamentares, entre elas as destinadas pelo senador da República, Dr. Hiran (Progressistas-RR), que celebrou a notícia de ampliação de tipos de atendimentos.

“Para acompanhamento e diagnóstico de câncer de pele que é um câncer também que acomete muitas pessoas aqui na região por muita insolação e o sol é inimigo da nossa pele. As pessoas que precisarem fazer esse tipo de avaliação a nossa unidade aqui está à disposição”, declarou.

O Hospital de Amor de Roraima é vinculado ao Hospital de Barretos, em São Paulo, e é referência nas ações de prevenção de câncer.

Dispõe de exames de mamografias para mulheres acima dos 40 anos, sem necessidade de encaminhamento médico, e de Papanicolau a partir dos 24 anos de idade. Neste caso, a mulher não pode estar menstruada e nem tido relação sexual nas últimas 72h antes da coleta de material.

Em casos de alteração, a paciente é submetida a uma colposcopia para investigar, de forma detalhada, as lesões presentes no colo do útero, sejam elas benignas, pré-malignas ou malignas, além do teste de HPV.

Todo esse processo é acompanhado por médico ginecologista. No próprio Hospital de Amor é feita a CAF (cirurgia de alta frequência).

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE