Ministro volta atrás e Jalser pode ser cassado

Compartilhe:

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp

O processo de cassação do deputado estadual Jalser Renier (SD) na Assembleia Legislativa deverá ser retomado nos próximos dias.

O Supremo Tribunal Federal (STF) reconsiderou parcialmente a decisão do dia 23 de fevereiro que determinou o retorno de Jalser Renier (Solidariedade) para o cargo de presidente da Casa

Conforme decisão De monocrática do ministro Alexandre de Moraes, o processo de cassação de Jalser deve continuar tramitando, mesmo com ele na presidência.

“(…) Dessa maneira, RECONSIDERO PARCIALMENTE a decisão de 23/2/2022 (doc. 135), no tocante à suspensão de procedimentos administrativos disciplinares instaurados em face do Requerente JELSER RENIER PADILHA, os quais poderão tomar seu curso regular. Comunique-se IMEDIATAMENTE a Assembleia Legislativa do Estado de Roraima, para ciência e IMEDIATO cumprimento desta decisão, solicitando-lhe informações sobre as providências adotadas, no prazo de dias 48 (quarenta e oito) horas. Publique-se.”

Caso o processo seja retomado e os deputados decidirem pela cassação de Jalser Renier, quem assume o cargo de presidente seria o vice-presidente da ALE/RR, Deputado Xingu. Ele deveria em um prazo curto convocar novas eleições para a presidência. 

Apesar da votação já ter iniciado, Jalser teria garantido apoio de vários outros deputados, o que pode reverter o quadro de cassação.