You are currently viewing PMBV suspende atendimento após registro de água ser desligado por engano
Atendimento foi suspenso na UBS por registro desligado (Foto: Semuc/PMBV)

PMBV suspende atendimento após registro de água ser desligado por engano

O simples desligamento do registro de água causou a suspensão total de serviços na unidade básica de saúde localizada no bairro Buritis. A população ficou sem atendimento na sexta-feira, 15.

A suspensão das atividades havia sido comunicada pela Secretaria Municipal de Saúde em nota à imprensa no início da tarde de sexta, alertando para que os usuários que necessitassem dos serviços deviam procurar os postos de saúde mais próximos: Pricumã, Liberdade e Cinturão Verde. 

Na ocasião, a Prefeitura de Boa Vista alegou que a suspensão de serviços de atendimento na UBS foi supostamente causada pela Companhia de Águas e Esgotos de Roraima (Caerr). Porém, segundo apurado pelo Política Macuxi, a falta do serviço foi causada por um próprio funcionário municipal e pela falta de fiscalização da unidade de saúde. O caso foi confirmado depois pela PMBV.

A Caerr informou em nota que uma equipe técnica da empresa esteve na unidade básica de saúde do bairro Buritis e constatou que o fornecimento de água estava funcionando normalmente.

Entretanto, segundo a Caerr, “alguém havia fechado o registro que fica na parte interna do prédio causando a supressão da água”.

O registro foi aberto e o fornecimento no prédio foi normalizado. Questionado sobre o problema pelo Política Macuxi, a Prefeitura confirmou que a falta de água foi causada por descuido de um servidor municipal.

Em nota, a Prefeitura de Boa Vista informou que “uma equipe da secretaria identificou que o registro da unidade, que fica localizado em uma escola do município, foi desligado por engano por um dos servidores”.

A administração municipal disse ainda que a interrupção dos serviços só aconteceu nesta sexta-feira (15), à tarde, e que na segunda-feira (18), os atendimentos na UBS já estarão normalizados.

Deixe uma resposta