Senador pede intervenção do governo na saúde da Prefeitura

Senador pede intervenção do governo na saúde da Prefeitura

O Senador Telmário Mota sugeriu que o governador de Roraima Antonio Denarium faça intervenção na saúde municipal, por conta do colapso que o município enfrenta com a chegada do pico da pandemia.

“Por isso, sugiro a vossa excelência que intime à prefeita, senhora Teresa Surita, a executar ações que lhe são atribuídas, como ente federado municipal, e, que de forma alinhada com o governo do estado, para salvar vidas. Em caso de negativa, sugiro uma intervenção do Estado no Município de Boa Vista, nos termos do art. 35 da CRFB e do art. 18 da Constituição do Estado de Roraima”

O senador acredita que apenas com a intervenção poderá se reorganizar os serviços de Saúde da prefeitura, e restabelecer a lei e ordem da capital. O pedido foi feito via ofício entregue nesta segunda-feira, 25 de maio.

“Nosso povo está completamente abandonado pelo governo municipal, sem nenhuma assistência nas unidades saúde municipais, devido à COVID-19”.

Dados do Covid

Até essa segunda-feira, o estado apresentava 2.583 casos confirmados de Covid-19, com 102 mortes. Destes, só em Boa Vista foram confirmados 1.924 casos, com 83 óbitos.

“Devido ao grande número de contaminações e a falta dos serviços nos 36 postos de atenção básica de saúde, que deveriam ser realizados pela Prefeitura de Boa Vista, centenas de pessoas estão sem o auxílio inicial, e consequentemente, lotando o Hospital Geral, já no estado avançado da doença, muitas vezes, sem chances de sobrevivência”.

Mota disse que a prova disso são imagens e relatos que têm circulado nos meios de comunicação e nas redes sociais com postos lotados, longas filas de espera, número de médicos insuficiente, etc.

“A omissão da Prefeitura na execução de serviços de saúde de baixa complexidade, não disponibilizando médicos suficientes, não realizando exames e não distribuindo medicamentos, têm inviabilizado os serviços médicos de alta complexidade, executados pelo Governo do Estado”.

Para o senador da república, o quadro de desorganização generalizado, provocado pelo que ele considera ‘omissão da Prefeitura de Boa Vista’, tem contribuído para o aumento do número de casos e óbitos no estado e causado o agravamento da crise.

“Espero o acatamento urgente dessa sugestão, evitando assim, o agravamento da crise sanitária no nosso estado”

Outro Lado

A reportagem procurou a prefeitura de Boa Vista e o Governo de Roraima e aguarda retorno.

Deixe uma resposta