You are currently viewing Lenir pede criação de linha de crédito especial para mulheres vítimas de violência

Lenir pede criação de linha de crédito especial para mulheres vítimas de violência

Para encerrar as atividades desenvolvidas durante o Agosto Lilás, mês de reforço as ações de combate à violência doméstica, a deputada Lenir Rodrigues (CIDADANIA) protocolou um projeto junto à Assembleia Legislativa para que o Governo do Estado crie o Programa de Apoio à Mulher Empreendedora, com a finalidade de promover o acesso ao crédito a mulheres vítimas de violência doméstica. Ela fez o anuncio durante a sessão desta quarta-feira, 25, na tribuna da Assembleia Legislativa de Roraima.

A linha especial de crédito, caso aprovada, será implementada por meio da Desenvolve RR (Agência de Fomento do Estado de Roraima), e poderá ser destinada a ampliar, modernizar ou iniciar atividades de micro e pequenos negócios. “Muitas mulheres ficam submissas a seus companheiros por achar que não podem arcar com o sustento de seus filhos em caso de separação. Tenho certeza que o governador Antonio Denarium terá a sensibilidade de executar esse programa e libertar essas mulheres desse ciclo de violência”, ponderou.

Lenir lembrou que essa ação deve ser realizada contando com a parceria do Tribunal de Justiça de Roraima, por meio da Vara de Penas e Medidas Alternativas (Vepema), e do Governo de Roraima via Casa da Mulher Brasileira. “A ideia é fomentar o empreendedorismo feminino focado na geração de alternativas que viabilizem a liberdade econômica dessas mulheres vítimas de violência, e não tem a intenção de ser simplesmente mais uma linha de crédito, e sim agir como um suporte, um incentivo ao negócio próprio”, salientou.

Para isso, de acordo com Lenir, está prevista que a liberação da linha crédito seja condicionada a apresentação de um plano de negócios detalhado, a exemplo do que acontece em grandes centros. “A proposta é que o Governo do Estado, por meio da Secretaria do Trabalho e Bem Estar Social, disponibilize profissionais ou equipes capacitadas para atendimento das interessadas na linha de crédito visando o aprimoramento dos projetos na área pretendida a fim de propiciar melhor gerenciamento de seus negócios”, apontou.

A deputada destacou ainda a importância de parcerias com órgãos da Administração Pública direta ou indireta estadual, Poder Judiciário, organizações não governamentais e do terceiro setor, além de empresas privadas, para a celebração de convênios com vistas à implementação e oferta de cursos de educação financeira e assistência técnica para essas mulheres interessadas em empreender.

Deixe um comentário